Anúncios

Reféns da verdade

No dia 03 de maio celebra-se o Dia Mundial da Liberdade de Imprensa. Mas não há muito o que se comemorar. Em várias partes do mundo, vários jornalistas e inclusive blogueiros e escritores colocam em risco seus empregos, a sua segurança e até mesmo suas próprias vidas ao fazer questionamentos ou revelações.

“Considerando que os povos das Nações Unidas reafirmaram, na Carta da ONU, sua fé nos direitos humanos fundamentais, na dignidade e no valor do ser humano e na igualdade de direitos entre homens e mulheres, e que decidiram promover o progresso social e melhores condições de vida em uma liberdade mais ampla, (…)a Assembleia Geral proclama a presente Declaração Universal dos Diretos Humanos como o ideal comum a ser atingido por todos os povos e todas as nações.”

Declaração Universal dos Direitos Humanos, 1948

Logo abaixo, você pode ajudar alguns jornalistas que foram presos e enfrentam ameaças e intimidações, mas continuam lutando pela liberdade de expressão e liberdade de imprensa.

Dhondup Wangchen
China – cineasta tibetano preso por “incitar o separatismo”

Dhondup Wangchen foi preso em 2008 por conta de um filme que ele fez intitulado “Deixando para trás o medo”, que retrata as vozes e perspectivas de tibetanos companheiros na véspera do Jogos Olímpicos Pequim 2008. Após um julgamento secreto, as autoridades o condenaram a 6 anos de prisão por “incitar o separatismo” e “subversão do poder estatal”.
Aja agora para ajudá-lo!

Woubshet Taye e Reyot Alemu
Etiópia – jornalistas condenados por relatórios sobre os grupos de oposição

Woubshet Taye, vice-editor da Times Awramba, juntamente com Reyot Alemu, um colunista do semanário Fitih, foram condenados a 14 anos de prisão por acusações de terrorismo. Estes encargos são considerados em conexão com sua cobertura dos grupos de oposição banidos.  Aja agora para ajudá-los!

Dina Meza
Honduras – repórter de direitos humanos recebe ameaças

Dina Meza informa sobre questões de direitos humanos para  site Defenders Online. Ela também é ativista de direitos humanos com o Comitê de Familiares de Presos e Desaparecidos Em relação ao seu trabalho sobre o conflito de terras em Honduras, Dina recebeu uma série de chamadas ameaçando-a com violência sexual. Sua segurança está em risco.  Aja agora para ajudá-la!

Prageeth Eknaligoda
Sri Lanka – jornalista e cartunista vítima de desaparecimento

Prageeth Eknaligoda desapareceu em 24 de janeiro de 2010, logo após deixar o trabalho no escritório Lanka-e-News, perto da capital Colombo. Os moradores locais disseram ter visto uma van branca sem chapas de matrícula perto de casa Prageeth, pouco antes de Prageeth desapareceu. Nos dias que antecederam o seu desaparecimento, ele havia dito a um amigo próximo que ele acreditava que estava sendo seguido.  Aja agora para ajudá-lo!

Abuzar al Amin
Sudão – editor de jornal

Abuzar al Amin, ex-vice-editor-chefe do jornal Rai Al Shaab, foi condenado em julho de 2010 de “enfraquecimento da Constituição” e “publicar notícias falsas” em relação aos artigos que ele escreveu. Embora a sua sentença de cinco anos tenha sido reduzida para um ano, Abuzar foi solto sob fiança em agosto de 2011, mas as autoridades trouxeram acusações adicionais contra ele, que ainda estão pendentes.  Aja agora para ajudá-lo!

Annakurban Amanklychev e Sapardurdy Khadzhiev
Turquemenistão – defensores dos direitos humanos

Annakurban Amanklychev e Sapardurdy Khadzhiev foram detidos em 2006 por terem ligações com jornalistas e  com a Turcomenistão Helsinki Foundation, uma organização de direitos humanos. Eles foram condenados a até sete anos de prisão por ” aquisição ilegal, posse ou venda de munição ou armas de fogo.” A Amnistia Internacional acredita que as acusações foram forjadas e que os homens estavam, de fato, preso por exercer o seu direito à liberdade de expressão. Aja agora para ajudá-los!

Fonte: Anistia Internacional dos EUA

Anúncios

Tags:, , , , ,

Categorias: Metalinguagem

Pandora nas redes sociais

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: