Anúncios

A estrada longa e sinuosa dos Beatles

Há lugares dos quais vou me lembrar
por toda a minha vida, embora alguns tenham mudado
Alguns para sempre, e não para melhor
Alguns já nem existem, outros permanecem
Todos esses lugares tiveram seus momentos
Com amores e amigos, dos quais ainda posso me lembrar
Alguns já se foram, outros ainda vivem
Em minha vida, amei todos eles
“In my life”, The Beatles

 

Os Beatles são os reis – do iê-iê-iê. Mas poderiam ser outros reis. Não reis como os “Joões” frangotes da nossa pátria mãe, ou os reis alemães, turcos, ou de Mônaco que ninguém conhece. Os Beatles poderiam ser os “Luizes e “Carlos” da França. Famosos, poderosos e inovadores como aqueles que até hoje ditam regras, modas e medidas usadas internacionalmente. Talvez os Beatles, analogicamente, sejam a união dos três reis magos a quem Deus mostrou o caminho para a Glória, com o lendário Rei Midas que transformava tudo o que tocava em ouro. Seja como for o reinado ainda é deles e por onde passaram o toque de seus dedos ainda garante um brilho especial. Acompanhe lugares e objetos que se tornaram célebres após servirem aos reis da música.

 

Igreja de São Pedro
A igreja localizada em Liverpool foi o palco do primeiro show da The QuarryMen. Foi lá também que Paul viu John em ação.

 

ClubMoor New Hall
Foi neste clube que John e Paul se apresentaram juntos pela primeira vez, ainda como The Quarry Men. Na parede ao fundo do palco estão pintados os dois com a inscrição do acontecido.

 

34 Montagu
Um prédio na Praça Montagu, 34, é um dos locais que mais acolheu artistas da música. Entre diversos integrantes de bandas famosas, foi nele que viveram por um tempo Ringo Star e sua mulher Maureen. Foi lá também que John Lennon e Yoko Ono foram presos por porte de drogas e tiraram a famosa foto para a capa do disco Two Virgins onde aparecem nus. É possível alugar o local, depois que o proprietário conseguiu vencer a batalha com Noel Gallagher e comprar o imóvel.

 

Abbey Road
O lendário estúdio dos Beatles, onde eles entraram pela primeira vez em 1962, ainda com Pete Best na bateria. O estúdio foi palco da gravação de inúmeros clássicos do rock, mas ficou imortalizado principalmente pela capa do disco homônimo que marcou o fim da banda. Ou seja, lá se encontra o início e o fim da história dos Beatles. Que por pouco não foi vendido este ano.

 

Cavern Club
O bar ficou conhecido por ser o ponto principal onde os Beatles tocaram antes da fama. Lá eles realizaram diversos shows e começaram a ganhar notoriedade. Hoje existe uma versão do bar original, que foi soterrado em 1973.

 

Top Ten, Kaiserkeller, Cabaré Indra, Star Club em Reeperbahn
Três lugares no bairro de Reeperbahn onde os Beatles tocaram pela primeira vez fora da Inglaterra, antes mesmo de serem os Beatles. O bairro de Hamburgo é conhecido como o ponto do Big Bang beatlenístico. É de lá o primeiro registro musical dos Beatles antes de voltarem para a Inglaterra e estourarem para o mundo.

 

Kinfauns e Hurtwood
Kinfauns foi a casa de George Harrison por boa parte da década de sessenta, onde ele morava com Pattie Boyd. Hurtwood era a casa de Eric Clapton, na época o melhor amigo de Harrison, e onde George compôs a música “Here comes the Sun”.

 

Strawberry Fields
Nada de doces alucinógenos, gnomos dançantes ou árvores coloridas. Strawberry Fields é um orfanato de Liverpool, mantido pelo Exército da salvação britânico, que fica próximo a casa onde John Lennon passou a infância. Foi demolido e reconstruído e hoje recebe doações de Sean Lennon e de Yoko Ono. Perto do Central Park em Nova York, é possível visitar também outro Straberry Fields. O local é um tributo a John Lennon.

 

Penny Lane
A grande maioria acha que Penny Lane seria uma garota por quem um dos Beatles estaria apaixonado. Na verdade Penny Lane é uma rua que dá nome a um bairro de Liverpool. McCartney escreveu essa música retratando uma caminhada pela rua.

 

Submarino amarelo – Yellow submarine
Alguém um dia pensou em um submarino amarelo de verdade? Provavelmente o submarino mais famoso do mundo deve ter surgido em alguma viagem psicotrópica de um dos Beatles e acabou se tornando um dos palcos mais sonhados pelas crianças do mundo todo. A música talvez seja a única dos Beatles com melodia infantil e com o reforço de desenhos e parques temáticos, se transformou de um artefato de guerra para um ambiente de diversão.

 

Terno cinza e cabelo tigela
Uma das marcas registradas dos Beatles no início da banda foi usada pela primeira vez no Barnston Women’s Institute. Até a fase psicodélica, eles entravam padronizados no palco e tocavam rigorosamente vestidos e penteados. Depois na época mais viajada, era cabelo comprido e roupa colorida.

 

Apple Rooftop Concert
Em 30 de janeiro de 1969 os Beatles apareceram de surpresa no teto do edifício da gravadora Apple e executaram algumas músicas enquanto uma multidão bloqueava o tráfego na rua. Foi uma bela jogada de marketing a as imagens foram usadas para o filme “Let it be”. Foi também o último show dos Beatles que já não se apresentavam juntos há algum tempo.

 

Anúncios

Tags:, , , , , , ,

Categorias: Uncategorized

Pandora nas redes sociais

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: