Anúncios

Reality-Corruption

por Érica Perazza

De acordo com o site informativo G1 (Globo.com), o governo chinês confirmou a movimentação de R$ 1 milhão em contas no exterior de Fernando Sarney, filho do senador José Sarney (PMDB-AP). A notícia foi postada no dia 7 de março. Porém, no dia seguinte às 09h02 da manhã, no portal do Estadão, há a manchete “China não confirma conta de filho de Sarney”. Os dados são confusos. Mas quem apura os fatos, percebe que há uma distorção pelo Ministério da Justiça, que publicou uma nota dizendo por meio de seu secretário nacional de Justiça, Romeu Tuma Junior, que “não recebeu qualquer comunicado do governo chinês a esse respeito”.

O dinheiro provém de atividades ilícitas da família Sarney, é óbvio que eles iam correr e avisar todo o mundo… Somente através de investigações seria possível descobrir. Mas esses fatos já não é nenhuma novidade, certo?

Todo dia no jornal, repórteres do mundo inteiro ( sim, não é só no Brasil que existe corrupção) vomitam e martelam matérias sobre políticos corruptos, mensalão, atividades ilícitas, etc e etc. Ainda mais quando o sobrenome SARNEY é vinculado, não nos surpreendemos nem um pouco. Mas também não desligamos a TV e continuamos a nos torturar com todos os podres brasileiros.

Sabemos desde julho de 2009, que Fernando foi indiciado pela PF por ser suspeito de formar quadrilha, além de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e remessa ilegal de divisas para o exterior. E sabemos também que ele está aí, desfrutando de sua liberdade e claro, dinheiro público. Nenhuma família mafiosa napolitana é párea para a sarneyana. Ela deita, rola, senta e brinca com o Brasil e sai impune, mesmo com provas divulgadas em outdoors. E nós assistimos fielmente a todas as “novidades” como se fosse uma novela ou reality-show.

Acontece que o enredo não é linear. É uma novela mexicana sem pé nem cabeça, sempre com o mesmo roteiro, os mesmos personagens, tão monótona e fútil quanto os outros tantos programas da TV. Não, essa novela nunca se desenrola. Você pode até perder alguns capítulos, porque com certeza eles irão reprisar. E nessa história imoral, esquecemos que o pior da corrupção, não é a cara de pau e o roubo em si, mas o desvio de dinheiro que poderia ir para a saúde, a educação, o transporte e que fabrica mais crimes, violência, pobreza. Ser um cidadão de uma república democrática se torna inviável.

E lá vai Sarney pai, Sarney mãe, Sarney filho, Sarney neto, Sarney genro dizer que as acusações não têm a menor procedência e que sua privacidade é invadida. Ué, não foram eles que se inscrevem no reality-show?

Anúncios

Tags:, ,

Categorias: Dossiê de Têmis, Política Nacional

Pandora nas redes sociais

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: