Anúncios

Ficha Limpa

Já imaginou uma eleição onde todos os candidatos são inteiramente honestos? Ok, isso ainda é uma grande utopia, mas o projeto Ficha Limpa traz uma proposta que pretende, pelo menos, garantir um melhor perfil dos candidatos nas eleições 2010.

Organizado pelle Definitions */ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-parent:””; margin:0cm; margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:12.0pt; font-family:”Times New Roman”; mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;} @page Section1 {size:612.0pt 792.0pt; margin:70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin:36.0pt; mso-footer-margin:36.0pt; mso-paper-source:0;} div.Section1 {page:Section1;} –> o MCCE – Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral, a ideia do ‘Ficha Limpa’ é impedir a candidatura de políticos condenados à crimes graves como racismo e desvio de verbas, ou que respondem à denúncias do mesmo porte. O projeto prevê ainda acelerar processos contra os políticos para que as sentenças saiam antes do período de candidatura dos mesmos, e veta a participação nas eleições de parlamentares que renunciaram ao cargo para evitar a abertura de processos por quebra de decoro parlamentar, desrespeito à Constituição, má administração, etc.

/ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-parent:””; margin:0cm; margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:12.0pt; font-family:”Times New Roman”; mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;} @page Section1 {size:612.0pt 792.0pt; margin:70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin:36.0pt; mso-footer-margin:36.0pt; mso-paper-source:0;} div.Section1 {page:Section1;} –> <!–[if gte mso 10]> /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.0pt; font-family:”Times New Roman”; mso-ansi-language:#0400; mso-fareast-language:#0400; mso-bidi-language:#0400;} <![endif]–>

A iniciativa de caráter popular em mobilização à ética, necessita recolher assinaturas de cerca de 1% da população eleitoral brasileira para ser levada ao Congresso Nacional e assim ser votada. Este 1% representa aproximadamente 1 milhão e 300 mil assinaturas, que devem ser recolhidas até o dia 29 de Setembro, data da entrega do projeto ao Congresso. A data escolhida é exatamente quando o MCCE comemora dez anos de conquista da Lei 9.840/99, primeira lei de iniciativa popular no Brasil e que condena a compra de votos e o uso eleitoreiro da máquina administrativa e que resultou na cassação de mais de 700 políticos envolvidos em casos assim.

Durante o feriado da Independência (7 Set), vários postos para coleta de assinaturas foram distribuídos pelo Brasil e o projeto já conta com mais de 1 millhão e 100 mil assinaturas. O número necessário deverá ser alcançado nos próximos dias, cumprindo o prazo para ser entregue.

A campanha também ganhou apoio de outros políticos e artistas como o jornalista Marcelo Tas, que recentemente postou o vídeo da Campanha Ficha Limpa em seu blog.
Vale votar e ajudar, afinal a maioria dos políticos que protagonizaram cenas bizarras há pouco tempo, serão as nossas opções para o ano que vem, ao menos que o Ficha Limpa realmente funcione.

Para votar: http://www.mcce.org.br/

por Soraia Alves

 

Anúncios

Categorias: Política Internacional, Território Nacional

Pandora nas redes sociais

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: