Anúncios

Belo Horizonte prepara-se para sediar a Copa do Mundo de 2014

Por Rafaella Arruda

 
A capital mineira foi escolhida junto a outras onze cidades brasileiras para sediar os jogos da Copa do Mundo de 2014. A confirmação, anunciada pelo presidente da FIFA – Federação Internacional de Futebol – Joseph Blatter, foi feita no dia 31 de maio e comemorada pelos mineiros em festa na Praça da Pampulha, um dos principais pontos turísticos de Belo Horizonte. Para a estudante Raquel Luíza, de 19 anos, a confirmação já era esperada: “Belo Horizonte é uma das metrópoles mais importantes do país. E além disso, tem dois times grandes, que é o Cruzeiro e Atlético, que são importantes na história do futebol brasileiro. E tem a grande influência política de nosso governador Aécio Neves”. Para a agente de turismo Juliana Pires, de 32 anos, outro fato determinante para a escolha foi a região da Pampulha, principal área para o evento. “O Mineirão é um dos maiores (estádios) do país e a lagoa (da Pampulha), com seu conjunto arquitetônico, foram determinantes nesta escolha. Poucos estádios apresentam um local assim com área verde e paisagens exuberantes”, diz Juliana.
 

Após a escolha, o momento agora é de preparação da cidade para que ela atenda às condições demandadas pela Federação Internacional. Segundo dados do Portal da Copa 2014, dentre os principais projetos de reestruturação de Belo Horizonte encontram-se a construção de uma vila residencial nos moldes da Vila Panamericana no Rio de Janeiro, de forma a proporcionar a abertura de cinco mil vagas para turistas; a readaptação do estádio do Mineirão principalmente no que diz respeito a questões de visibilidade e segurança; melhoria da oferta de serviços turísticos de qualidade e com preços competitivos; e ampliação da rede de hotéis.
De acordo com a Secretaria de Turismo de Minas Gerais (SETUR – MG), o parque hoteleiro da capital oferece atualmente 7.945 unidades habitacionais e deverá, até o final de 2010, disponibilizar mais 1.668 unidades. Além disso, a acessibilidade ao estádio do Mineirão deverá ser garantida por um sistema de transporte de massa, próximo e ligado aos principais pólos geradores de viagens da cidade.
Para Juliana Pires, os principais desafios para preparação da cidade são a segurança, o sistema de transporte e a rede hoteleira. Segundo ela, “BH tem registrado aumento nos índices de violência e no quesito transporte estamos bem distantes de concretizar um projeto eficaz que resolva nossos problemas do dia a dia, um evento nesta proporção seria um verdadeiro caos caso algo não seja feito com urgência”. No que diz respeito à rede hoteleira, Juliana afirma: “Nosso número de leitos é insuficiente, além da qualidade dos hotéis. O grande desafio é compatibilizar a infra-estrutura necessária para o evento e a sua manutenção após a Copa”. De acordo com o analista de produtos e serviços Alexandre Barboza, de 27 anos, “A Copa de 2014 será positiva pois fará a economia da capital girar e os planos de reestruturação da infraestrutura da metrópole garantirão benefícios futuros para a população”.
Os planos de reestruturação para garantir melhor mobilidade à população prevêem melhoria do transporte coletivo, com o aumento dos corredores de ônibus, e também construção de uma linha metroviária ligando a região da Pampulha (onde se localiza o estádio do Mineirão) e o tradicional bairro da Savassi. Os recursos para tal implementação ainda estão sendo analisados. O convênio assinado em 2008 entre o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a SETUR – MG para o projeto Rede de Turismo de Negócios e Eventos, por exemplo, deverá garantir investimentos de cerca de U$ 5,6 milhões.
Segundo informações disponíveis na Revista Veja, o prazo final de entrega dos estádios em condições exigidas de uso é dia 31 de dezembro de 2012. No ano de 2013, o Brasil irá sediar a Copa das Confederações, uma espécie de ensaio geral para a Copa Mundial.
Inaugurada em 1897, Belo Horizonte possui uma população aproximada de 2.400 milhões de habitantes, segundo informações de 2008 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com uma área de 331 km2 e um PIB de R$32,72 bilhões de reais, a capital mineira é o sexto município mais populoso do país e representa um importante pólo cultural, econômico e industrial do país.

Foto 1: Mineirão – Pampulha – Belo Horizonte/MG
Fonte: Galeria de Imagens de BH

Foto 2: Lagoa da Pampulha/Igreja de São Francisco – Belo Horizonte/MG
Fonte: Rhodes Eventos

Anúncios

Tags:,

Categorias: Sudeste, Território Nacional

Pandora nas redes sociais

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: